Nota de Repúdio - ABRAPEL


Sobre agressões aos Pesquisadores de empresas que realizam pesquisas eleitorais no Brasil e declaração do Presidente da CF


A Abrapel, Associação Brasileira de Pesquisadores Eleitorais, através da presente vem a público chamar atenção para a gravidade dos episódios de violência política de que tem sido vítima entrevistadores de diversos institutos e especialmente equipes do DataFolha, organização que há quatro décadas acompanha a opinião pública do nosso país com fidedignidade e lisura.


A atividade de pesquisa eleitoral, ademais da sua reconhecida importância na produção do conhecimento, tem seu papel na produção e difusão das opiniões e preferência entre os candidatos, continuando a ofertar fotografias do cenário da competição eleitoral ao eleitor, partidos e candidatos.. Ela é intrínseca à livre competição eleitoral. Tal como é imprescindível ao acompanhamento das avaliações que a sociedade emite a respeito dos governos e questões de interesse público.


Ameaças ao seu livre exercício afrontam a democracia, colocam os autores desses atos bem como seus apoiadores diretos e indiretos, automaticamente, no rol de adeptos do autoritarismo.


Sem meias palavras, na lista dos liberticidas.


A coincidência entre tais ações criminosas e a manifestação, via Twitter, do deputado Arthur Lira, Presidente da Câmara dos Deputados, ameaçando "punições" aos institutos é, além de deplorável, muito preocupante, merecendo repulsa e acompanhamento cuidadoso daqui para adiante das atitudes e do comportamento desse parlamentar.


21/ setembro/ 2022

 

Seja um Associado

Ao se associar você poderá participar dos eventos, atividades da associação, descontos em cursos, palestras e produtos, informações qualificadas, além de ter acesso exclusivo ao nosso repositório de dados e a todos os benefícios da ABRAPEL!

Gratuito até Abril de 2023

Indivíduos que atuam em pesquisas e estudos eleitorais em instituições públicas e privadas nacionais.